Sérgio Vilarigues sobre as casamatas, um dos locais de castigo

 

«… Aquilo era assim, entrava-se numa porta e tinha para a direita uma série de “suites” seguidas, todas húmidas, mesmo lama, para a esquerda outra série de “suites” mas com pavimento seco, claro que escolhemos estas para habitar. Era um túnel por cima do qual os guardas da GNR faziam a sentinela à fortaleza …»

 

In Vidas na Clandestinidade, Ed. “Avante”, 2011